Skip to main navigation Skip to main content

FC Famalicão isolado na frente

Liga NOS | 31/08/2019

No regresso à Liga NOS, famalicenses somam três triunfos e um empate em quatro partidas

A quarta jornada, que teve início na passada sexta-feira, trouxe o primeiro líder isolado da edição 2019-20 da Liga NOS: o FC Famalicão.

A ronda abriu com a vitória do Moreirense FC, por uma bola a zero, na receção ao Portimonense, graças a um cabeceamento de Iago Santos, ao oitavo minuto do encontro.

Quem também venceu pela margem mínima foi o Boavista FC. na visita ao terreno do Belenenses. Heri fez o golo, aos 59 minutos, que deu a liderança, por uma noite, aos axadrezados.

Já este sábado foram disputados mais quatro encontros. O Marítimo M. viajou até ao Estádio Capital do Móvel e venceu o FC P. Ferreira, com R. Pinho a fazer o golo solitário do encontro.

A cerca de 16 quilómetros mais a norte, o CD Aves recebeu o FC Famalicão, numa partida que teve cinco golos. Os visitantes marcaram primeiro, por intermédio de Nehuen, estavam decorridos 14 minutos. Mohammadi, de livre direto, empatou para os avenses, resultado com que se chegou ao intervalo.

No segundo tempo, os famalicenses voltaram a colocar-se em vantagem, com golos de Fábio Martins (58') e Anderson (86'). Kahraba ainda reduziu para 2-3, mas o marcador não voltou a sofrer alterações.

O FC Famalicão subia ao primeiro posto e garantiu que entrará na próxima jornada sozinho na liderança da prova, depois do triunfo do Rio Ave FC, em casa do Sporting CP.

Os vilacondenses colocaram-se em vantagem, com F. Augusto a inaugurar o marcador, ao sexto minuto. Os leões consumaram a primeira reviravolta no marcador, graças a remates certeiros de Bruno Fernandes (20') e Luiz Phellype (53').

Já dentro dos cinco minutos finais do tempo regulamentar, Ronan empatou para os visitantes e, aos 90+1, F. Augusto fez o segundo da conta pessoal e voltou a virar o marcador a favor do Rio Ave FC, selando o resultado final em 2-3.

O último encontro de sábado disputou-se no Estádio Cidade de Barcelos, com o embate entre Gil Vicente FC e Vitória FC. Apesar das várias tentativas de ambos os conjuntos, o nulo manteve-se do início ao fim do jogo.

O CD Tondela vs Santa Clara abriu mais um domingo de Liga NOS. Marco, guardião dos açorianos, foi a figura do encontro, defendendo duas grandes penalidades, numa partida que terminou com uma igualdade a zero no marcador.

No Estádio do Dragão, o FC Porto recebeu e venceu o Vitória SC, por três bolas a zero. Um bis de Marega e um golo de Marcano asseguraram a terceira vitória consecutiva dos azuis e brancos na Liga NOS.

No duelo que encerrou a quarta ronda, o SL Benfica foi mais forte que o SC Braga e venceu, no Minho, por quatros bolas a zero. Pizzi, com um bis, e dois autogolos, de Bruno Viana e R. Esgaio, foram os autores dos golos da equipa encarnada que regressou, assim, às vitórias.